Como motivar seu aluno a gostar de ler



O hábito da leitura é um dos mais importantes para quem quer estar em constante evolução. Seja por livros, revistas ou internet.

Vivemos dizendo aos alunos sobre a importância da leitura, incentivando-os dia após dia...Mas hoje vamos valar sobre o professor e a importância da leitura no autodesenvolvimento e sua relação com os alunos.

Professor curioso gera alunos curiosos e isto não é nenhum segredo.

Certa vez tive uma turma que não "gostava muito de ler". As aspas são para dizer que eles não gostavam era de ser obrigados a ler, não tinham motivação.

Logo descobri que todos adoravam gibis, mas na escola gibis eram vistos como "leitura não séria", os livros obrigatórios eram aqueles com lição de moral no final...rsrs

Deixei gibis à vontade, e na hora da leitura , levava meu próprio livro, e enquanto liam os gibis, eu lia também meu livro em silêncio.

Logo começaram a ficar curiosos, queriam saber porque eu estava tão interessada no meu livro, queriam saber do que se tratava.

Claro que tomei o cuidado de levar um livro o qual podia compartilhar com eles do que se tratava.

Um aluno com jeito surpreso me questionou: " mas prof. ...achei que adultos não gostavam de ler..."

Realmente...adultos adoram dizer pras crianças que ler é importante, mas falta o principal: o exemplo.

Na sequência levei outro livro,, e assim continuamos nossos 15 minutos de leitura diários. Assim que achei oportuno sugeri: "Vocês gostariam que eu trouxesse um livro legal para ler para vocês? Posso ler um capítulo por dia..."

Aceitaram a proposta. O livro que levei foi "Ei, tem alguém ai? - Jostein Gaarder". Cada dia lia com eles um capítulo, e cada dia ficavam mais ansiosos com o final.

Logo começaram aparecer com livros, logo algumas mães vieram me pedir sugestões...

Sabem porque consegui motiva-los a ler?

Por um motivo bem simples: eu amo ler.

Meu melhor presente da infância foi uma enciclopédia Barsa (lembram disso?). Eu descobria o mundo naquela enciclopédia. E hoje continuo descobrindo o mundo pela internet.

A curiosidade que me move, move também os alunos que eu puder influenciar. Não importa a idade de seus alunos, se você mantiver viva sua curiosidade pelas coisas, será um ótimo influenciador de leitores. Não impondo seu estilo ou seu gosto pessoal, mas respeitando o que motiva a cada um, despertando interesse por temas variados e permitindo a imaginação.

A leitura não pode se limitar a obrigações escolares. Leitura tem a ver com curiosidade e imaginação.


Débora Aquino - Educação Criativa



https://www.instagram.com/deboraaquino.educacaocriativa/